segunda-feira, 21 de maio de 2012

ANAIS II CVPSE - Dia 20/05/2012 Auditório Virtual ISEC 02

Dia 20 de Maio - Domingo - Essa etapa do II CVPSE foi realizada com palestras virtuais ao vivo, onde o palestrante e o congressista se encontraram pelo ambiente do audiório virtual. Esses, aqui dispostos, são os regitros do AUDITÓRIO ISEC 02.

9h00 - “Grafite urbano: dinâmica de criação e resistência” - O objetivo deste trabalho é verificar se a produção grafiteira é criativa e contribui à produção polifônica, ou seja, de discursos e narrativas plurais capazes de desestabilizar modos dominantes e homogêneos de construções capitalistas. Para investigar este tema optou-se por uma pesquisa de perfil etnográfico e fotoetnográfico.
Palestrante: Prof. Msc. Anita Rink
- Mestre em Psicologia (UNIVERSO), pós graduada em Artes & Aquarela (Scuola Machiavelli/Florença-Itália), Psicóloga (UNIVERSO), Arteterapeuta (POMAR), Arte-Educadora (CECAP/CEN) e Artista Plástica (Liceu de Artes e Ofícios/RJ). 



10h00 – “Re-vendo a psicologia na escola: pelo cultivo da alma e na educação”- Esse trabalho propõe, como tema central, uma re-visão das relações e das práticas do psicólogo escolar com/na educação. O objetivo geral foi o de compreender as relações entre a psicologia e a educação, propondo novas possibilidades teórico-práticas deste fazer e buscando subsídios na Psicologia Analítica de C.G. Jung e na Psicologia Arquetípica de J. Hillman.
Palestrante: Profa. Dra. Rosane Barbosa Marendino
- Doutora em Educação (UFF); Psicóloga e Pedagoga; Professora das Universidades Veiga de Almeida e UERJ/FFP.



11h00 – "Controvérsias do EU – Da (Info)Ética ao terror Cibernético"- Nas cidades virtuais onde imperam, a imagem-fluxo, a atemporalidade e o não-lugar permitem novos arranjos psíquicos e uma maior plasticidade e velocidade em processar informações e gerar conhecimentos. Neste ponto conjuntural, onde a tecnologia é um fator primordial que permeia as interações e oferecem incógnitas na construção de identidades, uma nova ordem se estabelece, porém sem um parâmetro ético de normas e regras. Os resultados catalisados pela velocidade das trocas de informação caracterizam comportamentos desviantes e anti-sociais que podem trazer danos incalculáveis aos direitos básicos de todo ser humano.
Palestrante: Prof. Jefferson Cabral Azevedo
CRP 32548 -Bolsista Faperj e Mestrando pelo programa de Cognição e Linguagem pela Universidade Estadual Norte Fluminense, MBA em Gestão Estratégica de Recursos Humanos pela Faculdade Salesiana Maria Auxiliadora, Psicólogo pela UNESA - Nova Friburgo e Administrador de Empresas pela UCAM. Professor de Psicologia e Administração de Empresas pelo Instituto Nossa Senhora da Glória – Rede Salesiana de Ensino e Faculdade Metropolitana São Carlos.


12h00 - "Projeto Gerencia de trabalho: uma estratégis de inclusão social pela via do trabalho" - o Projeto Gerência de Trabalho se apresenta como modelo de uma nova prática de cuidados no campo da saúde mental, cujo objetivo é estabelecer, por meio de estratégias específicas, as condições de acesso e permanência de pessoas com transtorno mental no mercado formal de trabalho.
Palestrante: Ana Cecília Alvares Salis
-Psicóloga; pós-graduada em Teoria Psicanalítica; autora do "Projeto de Gerência de Trabalho: uma estratégia de inclusão social pela via do trabalho" vencedor do Prêmio "Ser Humano"; edição 2010, promovido pela ABRH/RJ;  coordenadora do Núcleo de Geração de Renda do IMNS/RJ, 2007/2009. Coordenadora do projeto “Gerência de Trabalho” na empresa Prezunic Comercial Ltda/RJ, 2009; coordenadora do Projeto "Reabilitação Profissional e Recuperação de Vidas" , na cidade de Nova Friburgo/RJ, 2011, pela SSSAT/SETRAB/RJ; Diretora/Presidente da Ana Salis - consultoria em trabalho assistido Ltda



13h00 - “A escola como espaço potencial para a vivência de valores e da ética: a Pedagogia Logosófica.” - O enfoque deste trabalho é a sala de aula sob o enfoque da Pedagogia Logosófica no sentido de suas possibilidades, seus alcances, sua contribuição para a qualidade de ensino e para a formação de uma humanidade mais consciente. Objetivos tão elevados são alcançados com a ajuda de uma grande força interna que se chama  afeto.
Palestrante: Profa.  Ivone Tobaruela Pádua
- Professora, pedagoga, pós-graduada em Gestão Educacional (SENAC-RIO). Foi professora do Ensino Fundamental em  escolas na cidade de São Paulo onde também atuou na alfabetização de Jovens e Adultos. No Rio, trabalhou no Colégio Logosófico de Botafogo no Ensino Fundamental onde teve a oportunidade de estudar e aplicar a Pedagogia Logosófica  na sala de aula.   



14h00 – “O desenvolvimento cognitivo segundo Reuven Feuerstein” - Reuven Feuerstein, discípulo de Piaget discordou dele quanto à necessidade e importância da mediação para a superação de deficiências cognitivas apresentadas por determinados indivíduos. O desenvolvimento cognitivo e os meios de fazer o indivíduo aprender a aprender, corrigindo deficiências advindas de variadas etiologias, dando importância ao seu conhecimento acadêmico, sociocognitivo e metacognitivo é o objetivo desta reflexão.
Palestrante: Márcia Regina Cardoso Torres
- Fonoaudióloga Clínica e Membro da Equipe do Grupo de Estudos e Consultórios em Fonoaudiologia e Psicomotricidade Mariângela Stampa; Graduação em Fonoaudiologia - 1984 – UNESA; Pós Graduada com Especialização em Linguagem - UVA - 2012
15h00 – “A relação entre habilidades sociais e desempenho acadêmico” - A pesquisa aponta para importância de uma recepção adequada do aluno recém chegado a universidade para que ele se sinta acolhido e integrado socialmente e também para que a instituição de ensino crie condições para através de instrumentos apropriado avaliar qual é a percepção do aluno recém chegado a universidade sobre as relações sociais que espera encontrar e caso necessário faça alguns ajuste sobre suas cognições e comportamentos distorcidos da realidade social que irá encontrar no campus universitário.
Palestrante: Prof. Gil Gomes - Psicólogo – CRP 05/32158 Diretor do Instituto Brasileiro de Hipnose; Pós graduado em Terapia Cognitivocomportamental; Pós graduado em Hipnose clínica e hospitalar; Mestrando em Psicologia da educação.
16h00 – “A hipnose como estratégia de enfrentamento da psicologia das catástrofes e da psiquiatria nos desastres naturais” - A hipnose demonstra ser uma ferramenta de auxílio nas intervenções com crianças e adultos que são vítimas de desastres gerando redução do grau de ansiedade, da vulnerabilidade e abrindo espaço para reestruturação e flexibilização de pensamentos catastróficos mesmo diante de momentos de grande impacto emocional e social.
Palestrante: Lislie Schoenstatt
– Hipnoterapeuta; Graduanda do 10 °  período de medicina ; Estagiária do IBH ;Voluntária do projeto IBHA Atitude Social.


Nenhum comentário:

Postar um comentário